Time Crisis II (Sony Playstation 2)

Time Crisis IIPara não variar, o artigo de hoje será mais uma rapidinha, desta vez a mais um light gun shooter para a Playstation 2. Na primeira playstation, o Time Crisis original é muito provavelmente o light gun shooter mais famoso dessa plataforma. A sua sequela directa foi provavelmente dos jogos que mais tempo (e moedas) gastei nas arcades da minha zona. No entanto não deixa de ser curioso o tempo que o jogo levou a sair para o mercado caseiro. A primeira versão arcade desta sequela foi lançada originalmente em 1997, enquanto a versão para a PS2 já só chegou no final de 2001, ainda depois do spin off Time Crisis Project Titan ter saído para a Playstation original. Este meu exemplar foi comprado na Cash Converters de Alfragide por cerca de 2€, há quase 2 meses atrás.

Jogo com caixa, manual e papelada. Também tenho uma G-Con 2 em caixa, embora não esteja na foto.

Jogo com caixa, manual e papelada. Também tenho uma G-Con 2 em caixa, embora não esteja na foto.

A história leva-nos novamente a enfrentar uma enorme organização terrorista, cujo novo plano de conquistar o mundo consistia no lançamento para a órbita terrestre de vários satélites munidos com poderosas armas. No fim do dia, cabe novamente à agência V.S.S.E. que envia dois dos seus melhores agentes para impedir que esse desastre aconteça. E mesmo que joguemos completamente sozinhos, existe uma dinâmica interessante com os 2 agentes, com o segundo agente a ser controlado pelo computador, onde os vemos a trocar de posição constantemente e providenciar fogo de suporte um ao outro. Infelizmente não cheguei a experimentar a vertente multiplayer, mas estou curioso em ver como isso se desenrolaria, certamente seria necessário um split screen para recriar a mesma “coreografia” entre as duas personagens.

Cada vez que virmos este círculo vermelho, é altura de esconder pois seremos atingidos

Cada vez que virmos este círculo vermelho, é altura de esconder pois seremos atingidos

De resto a jogabilidade é muito semelhante à do Time Crisis original, com o botão de “cover” que nos deixa 100% seguros do fogo inimigo e serve também para recarregar a arma. No entanto, para não tornar as coisas demasiado fáceis vamos tendo vários checkpoints ao longo dos níveis cada qual com o seu tempo limite que deve ser respeitado. De novidade temos um efeito gráfico vermelho sobre os inimigos de cada vez que estão para disparar um tiro certeiro contra nós. E se por um lado o modo principal de jogo passa-se ao longo de 3 níveis principais separados em diferentes subcapítulos, esta adaptação para a PS2 trouxe vários extras. Um deles é a possibilidade de um jogador usar duas light guns. Os outros passam por bónus que podem ser desbloqueados, como munições automáticas ou infinitas. Temos ainda outros modos de jogo como um de treino, ou o Quick and Crash, baseados em galerias de tiro, onde o segundo modo de jogo obriga-nos a ser o mais rápido possível. Ou então o Shoot Away 2, onde com apenas 2 tiros temos de atingir 2 pratos em movimento. Por fim podemos também desbloquear o Crisis Mission onde somos levados a jogar pequenos missões, incluindo defrontar o herói do primeiro jogo.

A maneira dinâmica como os dois parceiros se complementam é muito interessante. Temos é de ter cuidado em não o acertar.

A maneira dinâmica como os dois parceiros se complementam é muito interessante. Temos é de ter cuidado em não o acertar.

No que diz respeito aos audiovisuais, este Time Crisis II é um jogo que cumpre bem esse papel. E embora tenha jogado a versão arcade imensas vezes, já foi há muito tempo pelo que há certas coisas que não me lembro de ver nessa versão. Tipo os diversos objectos que podem ser destruídos nos cenários! Mas é bem possível que isso tenha sido algo adicionado à conversão para a Playstation 2, visto ter saído muito mais tarde e num sistema tecnologicamente superior. Mas claro, há coisas que nunca mudam nos light gun shooters desta época e uma delas é o voice acting escabroso!

No fim de contas, para quem gostar de light gun shooters completamente em 3D, a série Time Crisis é uma das melhores do género e este Time Crisis II não deixa de ser uma boa aposta, até pela quantidade de conteúdo extra que a Namco se preocupou em trazer nesta conversão.

Anúncios

Sobre cyberquake

Nascido e criado na Maia, Porto, tenho um enorme gosto pela Sega e Nintendo old-school, tendo marcado fortemente o meu percurso pelos videojogos desde o início dos anos 90. Fã de música, desde Miles Davis, até Napalm Death, embora a vertente rock/metal seja bem mais acentuada.
Esta entrada foi publicada em PS2, Sony com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s