Alien Carnage (PC)

A rapidinha de hoje, agora que voltei à civilização, é sobre mais um dos jogos cuja versão shareware muito tinha jogado eu no meu velhinho Pentium. Mais uma vez algo do catálogo da Apogee, o Alien Carnage, mas também conhecido como Halloween Harry nas suas primeiras versões. E tal como muitos outros jogos da Apogee presentes na minha conta do Steam, este veio também na 3D Realms Anthology que por sua vez foi comprada a um preço bastante reduzido num bundle da Bundle Stars, há uns meses atrás.

Alien CarnageEm Alien Carnage encarnamos no herói Harry que tem a pesada missão de salvar os humanos de 2 clichés num só: uma invasão alienígena e um apocalipse zombie (provocado pelos aliens). Para isso temos equipados um lança chamas e um jetpack com combustível partilhado, sendo que ao longo do jogo, com o dinheiro que vamos amealhando ao derrotar os inimigos que nos aparecem à frente poderemos comprar outras armas e munições em várias máquinas de vending que vão aparecendo. Coisas úteis como granadas, mísseis tele guiados, bolas de plasma ou mesmo pequenas nukes passam a dar muito jeito. Como o lança chamas e jetpacks têm combustível partilhado, temos de ter alguma moderação no seu uso, o que nem sempre é fácil pois os inimigos fazem respawn e não existe qualquer botão de salto, com o jetpack a ser necessário para subir tudo e mais alguma coisa. Pode acontecer ficarmos presos nalgum abismo sem hipóteses de subir. Então, para facilitar um pouco as coisas, o combustível pode ser reabastecido de forma gratuita nas máquinas de vending respectivas. Sempre que virem uma, não custa nada reabastecer!

Ao longo do jogo iremos encontrar várias máquinas de vending que nos permitem adquirir diferentes armas e restabelecer o nosso stock de munições. Aqui representada a máquina de vending dos mísseis tele-guiados, sem dúvida a arma mais útil de todo o jogo.

Ao longo do jogo iremos encontrar várias máquinas de vending que nos permitem adquirir diferentes armas e restabelecer o nosso stock de munições. Aqui representada a máquina de vending dos mísseis tele-guiados, sem dúvida a arma mais útil de todo o jogo.

Para verem um pouco mais das coisas em movimento, aconselho este meu vídeo no youtube onde jogo um pouco do Alien Carnage:

Uma das minhas gaffes nesse vídeo é em relação aos terminais. O que eu pensava que marcavam checkpoints, são na verdade save points que nos permitem gravar o progresso no jogo. De resto dá para ver que o mesmo é desafiante quanto baste, pois os inimigos fazem respawn por vezes de uma forma algo rápida demais, e nos graus de dificuldade “não easy” não é difícil vermos a nossa vida a descer vertiginosamente. Felizmente que a mesma pode ser restabelecida com alguns power ups para o efeito, ou de cada vez que resgatemos um refém. Algo que eu também não sabia era que a ordem de níveis foi trocada aquando da mudança de nome de Halloween Harry para Alien Carnage. A missão 3 no Alien Carnage era a primeira missão no Halloween Harry, o que depois até acaba por ser notório, com a quantidade de dicas e explicações das mecânicas de jogo que nos são dadas.

A nível de audiovisuais é um jogo bastante competente. Já com gráficos em VGA e suporte completo a placas de som, este acaba por ser um jogo bastante colorido, bem detalhado graficamente (e com vários inimigos a lembrarem outras séries como Alien ou Gremlins) e as músicas têm sempre um feeling mais rock que eu bem aprecio. Um óptimo jogo de plataformas que recomendo vivamente! E desde que foi tornado freeware em 2007 deixaram de haver desculpas!

Advertisements

Sobre cyberquake

Nascido e criado na Maia, Porto, tenho um enorme gosto pela Sega e Nintendo old-school, tendo marcado fortemente o meu percurso pelos videojogos desde o início dos anos 90. Fã de música, desde Miles Davis, até Napalm Death, embora a vertente rock/metal seja bem mais acentuada.
Esta entrada foi publicada em PC com as etiquetas , . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s